segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Pernambuco, com Ascenso Ferreira, inspirou samba-enredo da tricampeã Imperatriz Leopoldinense em 2001

A Escola de Samba Imperatriz Leopoldinense, do bairro de Ramos, Rio de Janeiro, RJ, tornou-se, em 2001, a primeira tricampeã da "Era do Sambódromo", e deste novo século, com o samba-enredo CANA CAIANA, CANA ROXA, CANA FITA, CANA PRETA, AMARELA, PERNAMBUCO... QUERO VÊ DESCÊ O SUCO, NA PANCADA DO GANZÁ, título inspirado em versos do poema Trem de Alagoas ("Cana-caiana, / cana-roxa, / cana-fita,/ cada qual a mais bonita, / todas boas de chupar..."), do poeta Ascenso Ferreira (Palmares, PE).

Com Ascenso Ferreira, na Literatura, em 2001, e Luiz Gonzaga, na Música Popular, neste ano de 2012, Pernambuco confirma a força da sua criação artística na maior festa da cultura popular do Brasil.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Ebooks da Panamerica : "EM NOME DA AMÉRICA - Poemas Brasileiros do Século 20" (Poetas e poemas )

Já estão selecionados para esta antologia, apresentados no volume em ordem cronológica, com o registro do ano da publicação do poema e do Estado onde foi publicado, os seguintes autores e respectivos textos :

RONALD DE CARVALHO ("Toda a América"), EUDES BARROS ("América", fragmento), JORGE DE LIMA ("A minha América"), MENOTTI DEL PICCHIA ("República dos Estados Unidos do Brasil", fragmento), MÁRIO DE ANDRADE ("Improviso do mal da América"), CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE ("América"), MOACYR FÉLIX ("Minha Elegia de Abril", fragmento), JOSÉ PAULO PAES ("Cartilha"), FÉLIX DE ATHAYDE ("Ah!mérica"), BANDEIRA TRIBUZZI ("Ode ao Tempo"), JOSÉ CARLOS TARGINO ("América"), ÁLVARO ALVES DE FARIA ("Segundo Canto de Pavor"), FERREIRA GULLAR ("Dentro da noite veloz"), THIAGO DE MELLO ("É natural, mas fede"), JUAREIZ CORREYA ("Americanto Amar América"), RENATA PALLOTTINI ("Coração Americano"), OLIVEIRA RIBEIRO NETO ("Eu canto a América"), ELZA BEATRIZ ("Ladainha Sul Americana"), ARISTIDES KLAFKE ("Das Belas Artes aos tristes modos de um continente sem galochas"), NELSON DOS REIS ("Porão da América"), RÔMULO CARVALHO NETO ("Ameríndia", fragmento), ARNALDO TOBIAS ("Cão latindo"), MÁRCIO CATUNDA ("América Latina"), JOSÉ EDUARDO DEGRAZIA ("Amor/Morte/América"), FERNANDO COELHO ("Uma estrela na garupa), SÉRGIO BORJA ("América"), AFFONSO ROMANO DE SANT'ANNA ("Crônica dos anos 60"), EDUARDO ALVES DA COSTA ("Sugestões para a elaboração de um novo mural na Onu"), AFONSO HENRIQUES NETO ("Gravuras Latinamericanas"), LUIZ SÉRGIO DOS SANTOS ("Dias latinos"), ROSSINI CORRÊA ("No estômago da América"), EDUARDO HOFFMAN ("Sete quedas da paixão"), WEYDSON BARROS LEAL ("América", fragmento), REGINALDO VELOSO ("Profecia - Oscar Romero"), JACOB PINHEIRO GOLDBERG ("Amérika"), GILBERTO MENDONÇA TELES ("Looping"), MARCUS ACCIOLY ("Latinomérica", fragmento), DOM PEDRO CASALDÁLIGA ("América Nossa"), ALBERTO BEUTTENMULLER ("América Solidão"), JORGE TUFIC ("América do Sul"), OLGA SAVARY ("Continente"), LUIZ DE MIRANDA ("América, América"). - Texto de Juareiz Correya.

domingo, 19 de fevereiro de 2012

Ebooks da Panamerica : "EM NOME DA AMÉRICA - Poemas Brasileiros do Século 20"

Retomo, nestes dias de Carnaval (estou ilhado no centro do Recife, com leituras e alguma comunicação Via Internet), a organização e digitação da antologia "EM NOME DA AMÉRICA - Poemas Brasileiros do Século 20", para publicação em ebook, entre outros que serão lançados pela Panamerica Nordestal (http://www.panamerica.net.br) a partir do segundo semestre deste ano de 2012. Reencontro este projeto com alegria indizível : trata-se de um verdadeiro renascimento.

Iniciado desde a década de 1990, o projeto de edição dessa antologia foi algumas vezes deixado de lado, de molho, mofando, ficou quase perdido, tendo em vista a falta de incentivo e de solidariedade que um projeto dessa natureza merece e que eu pouco encontrei. Aliás, encontrei mesmo um inexplicável silêncio e desinteresse de possíveis parceiros, coeditores e administradores de cultura (centros culturais, secretarias, fundações) que, no Brasil, têm um perfil ideal, certo até para realiza-lo por sua conta e seu próprio empenho. Tudo isso me surpreendeu e me desestimulou até hoje. Para que se tenha ideia, verifico que esse projeto está, em minhas mãos, desativado há mais de 5 anos !

Mas vamos lá e vamos realizá-lo sim (falta pouco para concluirmos a sua organização), animados pelas imensas possibilidades que a Internet já criou e está criando no campo editorial. Pode ser que apareça como livro físico mas o meu interesse e empenho é de realizar a sua publicação como ebook da nossa Panamerica Nordestal, do Recife (PE), para que a antologia se torne amplamente acessível aqui no Brasil, na América e em toda a rede mundial de computadores.

A antologia reune textos de poetas brasileiros do Século 20 publicados desde o ano de 1926 até o ano de 1997. São mais de 40 poetas destes Estados : Rio de Janeiro (10), Paraíba (1), Alagoas (1), São Paulo (12), Maranhão (2), Pernambuco (6), Minas Gerais (1), Mato Grosso (2), Ceará (4), Rio Grande do Sul (3) e Paraná (1). Uma antologia que resgata e preserva textos de poetas brasileiros (de Ronald de Carvalho, RJ, a Luiz de Miranda, RS) que, no Século 20, dedicaram um momento significativo de sua criação à identificação plena com a natureza espiritual da nossa América, ao corpo e à alma da sua continentalidade. (JUAREIZ CORREYA)

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

CORAÇÃO PORTÁTIL : "ENTRE O SIM E O NÃO"

"todo pensamento
depois de expresso
torna-se mentira",
disse um poeta russo
amigo de Tolstoi.
NÃO ! todo pensamento
depois de expresso
é a mais pura verdade.





____________________________________
Transcrito do ebook CORAÇÃO PORTÁTIL,
de Juareiz Correya
- Emooby / Pubooteca, Portugal, 2011.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

TAL PAI, TAL FILHO : DOIS INIMIGOS DA "CASA DE HERMILO"

"... Não aconteça o que houve com o Chalé do Inglês que há anos sofreu invasões... E lembro que tal absurdo de invasão ocorreu ainda quando o poeta Juarez Correia era presidente da Fundação..."
(Jaorish Gomes Teles, PE NOTICIA, Palmares, 9/02/2012)



O Sr. Jaorish Gomes Teles, filhote de Telles Junior que é, devia também lembrar aos quatro ventos "a grande contribuição preservacionista do seu pai", quando desfilou, de forma infantil e ridícula, pelas ruas da cidade, pedindo a derrubada do MERCADO PÚBLICO DOS PALMARES, junto a uma multidão cega, conduzida como um bando amestrado pelo astucioso erro do então prefeito Luís Portela de Carvalho. É lamentável que, sendo um administrador cultural, o Sr. Jaorish se realiza mesmo é falando mal da Fundação Casa da Cultura Hermilo Borba Filho, e sobretudo da minha administração, quando ele sabe muito bem que o caso do Alto do Inglês (a sua inutilidade e esse triste fim a que chegou...)tem um único culpado : o então prefeito Francisco de Assis Rodrigues, que esculhambou a área com doação de terrenos e descaso com tudo o que intentamos fazer para salvar/preservar o Casarão do Alto do Inglês. É uma acusação estúpida, repetida como um disco estragado, para tentar botar merda no ventilador e melar o brilho da nossa administração. Ele segue apenas a cartilha do seu pai, que nunca reconheceu o valor de Hermilo, de Ascenso, e do nosso projeto de instituição da Fundação Casa da Cultura Hermilo Borba Filho, que preservou o Teatro Cinema Apolo (sede da instituição), a Estação Cultural dos Palmares (a antiga Estação Ferroviária), e lutou para preservar o MERCADO PÚBLICO DOS PALMARES, insensata e criminosamente derrubado por "palmarenses" amantes da destruição da sua própria história (e lá estava Telles Junior no meio da gandaia). Outra coisa : o Sr. Jaorish fica sempre lembrando a criação do Grupo Cultural dos Palmares (onde eu sou citado...ou melhor, onde o meu nome é usado). Esqueça isso, rapaz. Não me cite nessa história, não me orgulho de ter feito parte desse "grupo". Me orgulho, sim, de ter criado a Fundação Casa da Cultura Hermilo Borba Filho, que o seu pai nunca respeitou e que você não respeita, até mesmo quando precisou e quando precisa dela, a toda hora falando mal da instituição e sempre agindo com a sua mesquinhez para criticar os seus administradores e as suas realizações. Valorize e dignifique a sua inteligência e não use o Grupo Cultural que você dirige para desmerecer o trabalho e a existência de uma instituição cultural que você ignora, maltrata, desrespeita e despreza. Bem, sou forçado a lembrar aqui um ditado popular que o seu pai gostava de citar : OS CÃES LADRAM E A CARAVANA PASSA.

(Texto de Juareiz Correya)

domingo, 5 de fevereiro de 2012

SOBREVIVENDO NESTE SÉCULO 21 : "60 SETEMBROS (Poemas de 2011)", meu segundo ebook publicado

Minha primeira experiência com publicação eletrônica foi viabilizada por intermédio da Emooby / Pubooteca, da Ilha da Madeira-Portugal, que publicou o meu primeiro ebook - CORAÇÃO PORTÁTIL, poesia (epub) - exatamente no dia 29 de março de 2010, uma coincidência com a feliz operação do meu rim direito, removido pelo urologista Tibério Moreno Jr., no Hospital Memorial São José, do Recife (PE).

Publiquei, nos meus 50 anos de idade, um livreto intitulado 50 SETEMBROS (edição do autor, Palmares, PE, 2011) e, agora, nos meus 60 anos redondos, completados em setembro de 2011, sequenciei essa idéia com a publicação eletrônica (PDF) de 60 SETEMBROS (Poemas de 2011). Lançado exatamente no dia do meu sexagésimo aniversário - 19 de setembro -, meu segundo ebook publicado apresenta o seguinte Sumário :

- Dedicado a Solange Correia de Crasto, Djane Candeia Lima
e Márcia Herculano Sales.

- Apresentação de Maria de Lourdes Hortas

- 1a. Parte / POEMAS DE 2011
Pequena Serenata Noturna (Sobre a canção "Pequena Serenata Diurna", de Sílvio Rodriguez); Dístico 2011; Confesso que vivo; Do latido e da fala; Identificado Recife, 2; Novo Século; Boa Vista, janela 52; O Ser e o Ter; Viver sem aprender; Chove no Recife; A voz selvagem da Terra; Amigo de Verdade; Cineminha na TV; Este poema é o teu nome; Visão de uma mulher no Hospital Português; Quando chove sobre Atlântica; Acima do Bem, o Mal; Primeira e Única Palavra; Oriente e Ocidente (de Confúcio a Drummond); Crônica para lembrar amanhã; Nova Didática para leitura hoje; Criação; O Tuite; Marco e Lucila; Aos teus pés, Bruna.

- 2a. Parte / DEDICATÓRIA POÉTICA
Antonio Botelho - "Cronologia para América Latina"; Arnaldo Tobias - "Cão Latino"; Ary Sergas Santos - "Saudação"; Isabel Canelas - "Sobre o poema Rua 7 Recife Terra
; Jaci Bezerra - "Juareiz Correya : Retrato do poeta encadernado em jeans" ; José Terra - "Meu Poeta"; Luiz de Miranda - "Soneto Improvisado para Juareiz Correya"; Montez Magno - "Juareiz Correya" ; Olímpio Bonald Neto - "Palmarolinda"; Sílvio Hansen - "Americanto Amar" (poema visual).

- 3a. Parte /
Bibliografia; Ebooks a publicar; Blogs, Site;
Opiniões sobre o autor de : Mauro Mota, Hermilo Borba Filho, Pelópidas Soares, Paulo Azevedo Chaves, Geneton Moraes Neto, Jaci Bezerra, Leda Rivas, Potiguar Matos, Nagib Jorge Neto, Caio Porfírio Carneiro.
Foto da capa : Pedro Poema Alves Correia
Foto da contracapa : Flora Pimentel
Revisão : José Terra, Mariama Correia.
Capa / Editoração Eletrônica : João Guarani
Edição (PDF) : Panamerica Nordestal Editora
(Recife, setembro/2011).