sábado, 29 de janeiro de 2011

SOBREVIVENDO NESTE SÉCULO 21 (2)

No último ano do Século 20 - precisamente em junho do ano 2000 - fui surpreendido com um enfarte, tarde da noite, no apartamento onde eu morava, no Jardim Atlântico, em companhia de Djane e da nossa filha Mariama. Com o bom atendimento do Hospital Oswaldo Cruz, já manhã do dia seguinte (domingo, 16), a competente intervenção de Hermilo Borba Neto (meu cardiologista até hoje) e a diligente amizade de Leda Alves, resisti e estou aqui.

Compreendi, depois, que esse abalo na minha saúde não era apenas porque eu estava vivendo em um ano que era um final de década : era o final do Século e do Milênio ! O ano 2000 tinha por isso um significado cósmico superior ao de todos os finais de décadas do Século 20. Entendi isso no meu coração, já são e salvo, e hoje tenho uma compreensão melhor sobre a Vida, o ser humano físico, mental, intelectual e espiritual.

Passei a viver este novo Século e a sua década inaugural (2001 a 2010) com o mesmo amor pela Vida, talvez de uma forma mais lúcida e mais intensa, sobretudo no tocante ao meu trabalho com a poesia e à minha atividade cultural. E na relação com os meus filhos, com a minha companheira e com os raros e bons amigos e amigas. E a década me deu, como recompensa a mais, até hoje, bons frutos.

Agora, justamente no final da primeira década deste Século 21, desde o início do segundo semestre surgiram outros problemas graves com a minha saúde : uma situação difícil e quase ruinosa, com complicações até dezembro passado, como eu conto a seguir... (JUAREIZ CORREYA)

domingo, 23 de janeiro de 2011

IDENTIFICADO RECIFE (Número 2)

Atravesso a Rua da Aurora
(onde morou a minha infância)
E encontro Ascenso Ferreira,
Hermilo, o Teatro Apolo...
Estou de volta a Palmares ?




Recife, janeiro / 2011.

domingo, 9 de janeiro de 2011

CONFESSO QUE VIVO

"... batendo e pulsando no coração do homem
esse barro frágil que respira e anda."
(JACI BEZERRA)



Meu corpo me surpreende como um milagre.
Eu sei que sou uma nuvem concreta
Uma composição terrena
Geografia de sangue
História da alma
Espírito diário.
Penso que falo e é o coração.
Mergulho em mim
E não vejo o sonho
Da desarmonia dos meus dias e dos anos.
Não sou uma máquina
E acredito que me desintegro vivo :
Dentro de mim tudo se comunica com perfeição
Como uma lição de anatomia mais do que humana.



Juareiz Correya




(Recife, Santo Amaro,
domingo, 9/janeiro/2011)

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

PEQUENA SERENATA NOTURNA (sobre a canção "Pequeña Serenata Diurna", de Sílvio Rodriguez)

"Vivo en un país libre
Qual solamente puede ser libre
En esta tierra, en este instante
Y soy feliz porque soy gigante"
(Sílvio Rodriguez)




Vivo a minha liberdade
Porque posso ser livre no meu País
Na minha terra a todo instante
E sou um gigante porque sou feliz

Amo uma mulher brasileira
Que me ama me dando tudo
Sem que eu peça nada
E eu me sinto igual a ela
E ela se sente igual a mim


E quando ela me quer mais
Tenho meus versos minha palavra verdadeira
Para despertá-la a qualquer hora
Porque sou o seu homem
Porque sou o seu tempo


Sou feliz sou um homem feliz
E não quero que me perdoem
Os que não sabem o que é felicidade


Juareiz Correya

(Recife, PE, madrugada,
6/janeiro/2011)


________________________________
PEQUEÑA SERENATA DIURNA,
de Sílvio Rodriguez /
com Chico Buarque
- LP, Rio (RJ), 1978

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

MENSAGENS DE NATAL E DE ANO NOVO DE AMIGOS(AS) INTERNAUTAS / 2

Mais mensagens de amigos, contatos, internautas :

Luciano Nunes ("Feliz Ano Novo e saúde e paz"), REVISTA AMIGOS WEB / CARLOS SENNA, AMERICANTO/RAÚL QUIROGA ("Feliz 2011"), Luiz Carlos Monteiro ("Aos amigos e visitantes do blog O MUNDO CIRCUNDANTE com votos de um Feliz 2011"), Lucila Nogueira ("O Primeiro Romântico / Poema de Natal"), Raul Henry ("Feliz Natal e um Próspero Ano Novo"), Cássio Cavalcante ("Mensagem com versos de John Lennon"), TOP BLOG ("Feliz Natal e um fantástico 2011"), Regina Tieko ("Natal Solidário"), LiteraCidade ("Feliz Natal e bom 2011"), hi5 ("Feliz Natal Juarez!"), Deusdedith Antonio ("18 cartões de Natal").



.........................

PARA TODOS, VIVA 2011!
- ANO 1 DA SEGUNDA DÉCADA
DO SÉCULO 21
NESTE TERCEIRO MILÊNIO.


Juareiz Correya



(Recife, Pernambuco)

domingo, 2 de janeiro de 2011

MENSAGENS DE NATAL E DE ANO NOVO DE AMIGOS(AS) INTERNAUTAS

Recebi e-mails enviados pelo Hotmail, OI, LIMAO.COM, IG, e em mensagens diretas pelo celular, comunicações destes internautas e amigos(as) que registro e agradeço :

Instituto Maximiano Campos ("Cartão de Natal", de João Cabral de Melo Neto),Ozi dos Palmares, Faruka (envia o texto "Recomeçar", de Carlos Drummond de Andrade), SABER CULTURAL (CapeluttoM), Luciano Siqueira (Deputado Estadual de Pernambuco), Raimundo de Moraes, Luiz de Miranda (envia o seu poema "Natal"), Luiz Alberto Machado, Mauricio Garcia ("Feliz Nova Vida a Todos"), Tânia Diniz ("Mulheres Emergentes"), COMUNIQUE-SE.COM.BR, Fernanda Jardim, INTERPOÉTICA ("Especial de Natal"), AVAAZ.ORG
("A Grande Celebração"), Editora Abril, Natanael Lima Jr.,(cartão de natal "A Rua dos Cataventos", de Mário Quintana), Luciano Félix/PADA PRODUÇÕES, Professor Francisco Mesquita ("Uma mensagem de Ano Novo"), Maria de Lourdes Hortas ("Abbracci Gratis", vídeo), João Guarani Correia ("Palhaços", textos de vários autores com ilustrações fotográficas), Daniel Dias (Teatro João Caetano / 197 anos), Roberta Malta ("Um 2001 divino para todos"), Auxiliadora Angeiras ("Receita de um Feliz Ano Novo"),José Terra Correia (um texto de Oscar Wilde), Claudete Crieri ("Para você"),Esli Manni ("Feliz 2011 para todos os meus amigos"), Nena Meier ("Açúcar, sucesso, sorte e salsa... Viva Cuba!"), Manuela Freitas (Fotos / Colagem de amigos), Arthur Correia, Valque Santos,José Rodrigues (cantor Zé Ripe, de Palmares), Cristina Presbítero, Concita Weber (escritora,residente em Berlim), Marcos Maia e Família, Rogério Generoso, Davi Lima (CEPE - Companhia Editora de Pernambuco), Marcelo Sguassabia (http://www.agitobrasil.com.br/blogs/consoantesreticentes), CULTURA E HUMANISMO (Rafael Rocha), Delasnieve Daspet ("Presente de Ano Novo aos meus queridos amigos / 713 vídeos históricos !"), Leonilda Rocha ("A todos os amigos").

DENTRO DA NOITE ACESA

Madrugada insone
Ando pelas ruas desertas do Recife
De volta ao apartamento onde vivo
Como quem retorna pelas ruas tortuosas
De angústia e dor de Palmares
Novamente novas e praças de luz
E sou o mesmo homem que atravessa solitário
O centro perdido e distante de São Paulo
Em mais uma noite incontável
Do tempo do jornal da Rua Catequese
Até o amanhecer da Vila Alpina de Santo André



Juareiz Correya

(Recife, 27 de dezembro de 2010)

sábado, 1 de janeiro de 2011

VIDAS SEM FIM

Sonha o meu coração
Que as vidas nascidas
Neste novo ano
E nos novos anos que virão
Jamais morrerão !




Juareiz Correya