domingo, 27 de junho de 2010

PALMARES VIVE ! VIVA PALMARES !

Reportagens apressadas e imprecisas dos portais UOL ("Cultura pernambucana desaparece sob as águas do Una") e IG ("Cenário desolador na Terra dos Poetas") demonstram desinformação e insensibilidade com o patrimônio cultural de Palmares, região Mata Sul de Pernambuco, conhecida como a Terra dos Poetas. Semi-destruída pela catástrofe das enchentes na Mata Sul do Estado, com grande parte da sua população desalojada e desabrigada, uma perda incalculável de residências, imóveis comerciais e espaços públicos (escolas, hospitais, serviços), além da perda de algumas vidas, a cidade sofreu e está sofrendo com essa parte da sua riqueza destruída. Mas o seu patrimônio cultural edificado - Teatro Cinema Apolo, Estação Cultural dos Palmares, Biblioteca Pública Municipal Fenelon Barreto - está de pé, não ruiu, não "desceu de água abaixo", não foi destruído, como permanece viva e resistindo à fúria da natureza do tempo e da desnaturada insensibilidade humana, a criação dos seus filhos mais notáveis - do poeta Ascenso Ferreira, do dramaturgo e ficcionista Hermilo Borba Filho, do poeta Jayme Griz, do poeta e jornalista Arthur Griz, do pintor Murillo La Greca, do poeta e professor Fenelon Barreto, do poeta Raimundo Alves de Souza, todos eternizados e eternizando Palmares. São muitos os que "se encantaram", e os que permanecem vivos, na terra ou em outras terras, continuam comprometidos com a criação literária e artística que é, legitimamente, fruto de Palmares - o processo imorredouro da criação da sua poesia, do seu conto, da sua crônica, do seu romance, do seu teatro, da sua pintura.
Palmares, terra de cultura e de grandeza, como no seu hino, é a nossa "marca para toda a vida!", bem dizia Hermilo. E, com a força eternizadora da sua cultura, Palmares vive e viverá !



JUAREIZ CORREYA
(juareizcorreya@hotmail.com)

Jornal para divulgação de blogs literários e jornalísticos que publico e admiro

Neste blog divulgarei textos publicados dos meus livros e blogs e textos inéditos de livros organizados ou em fase de organização. E divulgarei blogs literários e jornalísticos que admiro, além de mantê-los linkados para o acesso permanente dos leitores deste blog. Aqui o amigo internauta vai encontrar textos dos meus livros publicados AMERICANTO AMAR AMÉRICA E OUTROS POEMAS DO SÉCULO 20, CORAÇÃO PORTÁTIL, das antologias POESIA VIVA DO RECIFE, POETAS DOS PALMARES, EM NOME DA AMÉRICA (inédita) e POESIA VIVA DE SÃO PAULO (inédita). E textos dos meus blogs LETRAS&LEITURAS (http://letras-leituras.blogspot.com), CASA DA POESIA (http://juareizcorreya.blogspot.com), POESIA VIVA DA CIDADE (http://www.jcorreya.blog-se.com.br, PANAMÉRICA (http://jcorreya.blogspot.com) e PALAVRA DE HERMILO (http://blig.ig.com.br/jcorreya).

No dia-a-dia que viveremos, textos inéditos avulsos, jornalísticos e literários, serão postados neste blog-jornal de um poeta e editor pernambucano que não pode negar aos homens do seu tempo a sua palavra - a humanidade da sua poesia e da sua prosa.